sexta-feira, maio 13, 2011

Ashton Kutcher é confirmado em "Two and a half men"

O público de Two and a half men está habituado a esse ambiente de polêmicas. Os que não tinham familiaridade com isso, tiveram que se acostumar. De uns tempos pra cá, é baixaria em cima de baixaria, especulações quase que diárias, e um clima de incerteza paradoxal, porque a série não vai sair do ar.

Ah, e não se esqueça! Amanhã, a partir das 18 horas (seis da tarde), tem os comentários AO VIVO do último episódio de Smallville! Saiba mais aqui: bit.ly/smallvilleaovivo, e siga-me no Twitter: Twitter.com/Thicovski

A Warner Bros., estúdio que produz a sitcom, ainda está às voltas para encontrar um substituto para Charlie Sheen, demitido no começo do ano por seu comportamento deplorável. Essa semana, um sério candidato foi apresentado como certo: seria Hugh Grant, que mistura algumas das qualidades do Charlie que foram a fórmula do sucesso de Dois homens e meio: histórico de confusões, e uma carreira respeitada no cinema.

Tudo parecia estar indo bem com Grant, inclusive quanto ao salário (seria na casa dos milhões de dólares), mas o ator acabou desistindo do papel. Hoje, foi confirmado que a Warner contratou um outro nome de peso: Ashton Kutcher, que não transforma em ouro tudo o que toca, mas é um nome extremamente forte e influente. E que pode dar certo.

O anúncio da contratação de Kutcher foi feito esta tarde, após a boataria tomar conta do showbizz.  O ator disse estar muito empolgado por ter a chance de trabalhar com pessoas tão talentosas. E Charlie Sheen já deu a sua opinião a respeito, e de um jeito relativamente leve. “Kutcher é um amor e é um comediante brilhante, mas…espera…eu também sou!!!”, disse ele ao site TMZ. “Aproveite o Planeta Chuck [Lorre], Ashton. Nele não há ar, risadas, lealdade ou amor”. Apesar das “gentilezas”, Charlie deu a entender que não acredita que a audiência do programa vá ser a mesma sem ele.

Pois é, a Warner teve que dar o seu jeito, porque não pode simplesmente cancelar a série. A jornalista Fernanda Furquim, da Veja, explica o motivo: "porque é mais caro cancelar que dar continuidade à série. Visto que ela já tinha sido renovada para mais uma temporada, contratos foram assinados em nível internacional. Romper esses contratos poderia levar o estúdio e o canal a uma crise financeira. É bem verdade que, com a troca de atores, ajustes contratuais terão que ser feitos, especialmente no que diz respeito a valores".

Vale lembrar que Sheen já confessou que aceitaria o emprego de volta (ele quer muito, aliás) e chegou a mentir dizendo que estava em negociações para fazer isso acontecer. A Warner não o quer de volta. Chuck Lorre não o quer de volta. E como Charlie responde? "Ninguém liga pra sua série de m* sem mim", disse ele numa entrevista.

A 9ª temporada de Two and a half men segue sem data de estreia definida. Sabe-se, porém, que eles vão (pelo menos tentar) explicar a saída do seu protagonista.


Apagaram o post sobre o Gary Coleman!
Só pode ter sido aquela tal viúva...
Atualizando: o Blogger devolveu o nosso post. Retirem as acusações.
Com informações do blog da Fernanda Furquim. Siga-me em Twitter.com/Thicovski

2 comentários:

Alan Raspante disse...

Só acompanho a série pelo SBT mesmo. Acho que a escolha foi certeira, mesmo que Kutcher tenha uma voz desgraçada, ele tem competência suficiente para levar a série adiante. Resta saber a recepção do público. Mas, creio que fará sucesso mesmo sem Sheen!

[]s

Blogger disse...

Did you know you can shorten your long links with Shortest and earn dollars for every visit to your short links.

"Blog de humor e fantasia, criado para fins de entretenimento, apenas. As informações e opiniões aqui contidas podem não corresponder à realidade. Se você se ofendeu com alguma postagem, certamente a mesma se trata uma ficção que deve ser imediatamente desconsiderada, e não levada a sério"
Related Posts with Thumbnails

contador de visitas

Contadores Web visitantes desde 12-07-2008 (o blog foi criado em Outubro de 2006) [Contadores Web]