quarta-feira, outubro 05, 2011

Série "Os Simpsons" nunca esteve tão próxima do cancelamento

Astro de 24 Horas, Kiefer Sutherland marcou presença no excelente episódio "The Falcon and the D'ohman"
Na semana passada, estreou a nova temporada de Os Simpsons. Um evento sem grandes alardes -- afinal, ele se repete há quase 23 anos. O que ninguém esperava é que esta pode ser a última temporada da animação mais longeva da televisão mundial. 

Mais uma vez, o alvo da questão é uma disputa contratual entre a Fox e os atores. Este ano, a inflexibilidade da emissora acabou por desconstruir o elenco de House, outra de suas séries mais famosas e lucrativas, culminando na conturbada saída de Lisa Edelstein, uma das protagonistas.

A Fox exige um corte de gastos na produção de Os Simpsons, o que logo de cara implicaria numa redução salarial. O valor mais alto que se paga nesta série é US$ 400.000 por episódio -- um valor até justo, considerando o alto valor comercial que possui a animação de Matt Groening. Muitas séries de menor relevância cultural pagam valores até maiores aos seus protagonistas. A facada é que em Os Simpsons, este supersalário é pago a vários dubladores, a saber: Dan Castellaneta (Homer), Julie Kavner (Marge); Nancy Cartwright (Bart), Yeardley Smith  (Lisa), Hank Azaria (Moe), e Harry Shearer (Mr. Burns).

Se o salário é exorbitante, temos também que ter em vista que todos os dubladores, além de talentosos, emprestam suas vozes a vários personagens. A única exceção é Yeardley Smith, que só trabalha com a Lisa.

E a Fox diz estar seriamente disposta a cancelar a série caso os atores não aceitem o corte salarial imposto. Diz que vai lamentar muito caso isso aconteça, mas que não há outra alternativa. Veja o que consta no comunicado emitido pelo canal: “Com 23 temporadas, Os Simpsons é uma série criativamente vibrante e amada por milhões de pessoas no mundo todo. Acreditamos que esta brilhante produção pode e deve continuar. Mas nós não podemos manter a produção de novas temporadas sob os termos financeiros do contrato atual. Temos esperanças de que chegaremos a um acordo com o elenco de vozes de Os Simpsons para que possamos continuar entretendo o público com episódios originais por muitos anos ainda”.

A jornanista Fernanda Furquim, blogueira da Veja, traz maiores detalhes: Ao longo dos anos, os atores vêm exigindo participação no lucro da venda da série para reprises, mercado internacional e produtos agregados. Algo que o estúdio se recusa a negociar, preferindo restringir a compensação dos atores ao salário pago por episódio. A única compensação residual que será paga aos atores será aquela determinada pelo Sindicato, que é inferior ao valor normalmente negociado entre as partes. De acordo com a publicação, os únicos que recebem participação nos lucros da série são seus produtores.

Nestas 23 temporadas, Os Simpsons já nos presenteou episódios que são verdadeiros tesouros; e outros, especialmente nos últimos 12 anos, de qualidade questionável. Nos últimos anos, a crítica não pôde deixar de notar o desgaste nos roteiros, o que até justificaria o cancelamento -- ou melhor, um ponto final digno. Da  segunda metade da jornada do seriado, eu só acompanhei alguns episódios soltos. 

Assisti à última season première "The Falcon and the D'ohman", e  posso afirmar que fiquei agradavelmente surpreso. Li os comentários de alguns jornalistas e notei que muitos desaprovaram; eu particularmente não entendi o porquê, pois o episódio é óptimo e me desculpem, eu sei reconhecer um bom momento dos Simpsons quando vejo. Acho que, da safra atual, não será sempre que encontraremos episódios tão inspirados, mas para uma série de tamanha relevância mundial e que precisa existir, é bom que as temporadas não adotem um sistema puramente fordista, e se preocupem com a qualidade.

A audiência de Os Simpsons pode não ser a ideal -- para os padrões estadunidenses, seria na casa dos 10 milhões de telespectadores --, mas também não é desprezível. "The Falcon and the D'ohman", por exemplo, alcançou média de 8.08 milhões de telespectadores. Atualmente o desenho é exibido em mais de 100 países.

Um comentário:

alan raspante disse...

acho que já chegou a hora. afinal, se eles reprisasem tudo desde o começo... nossa, tem muita coisa!

"Blog de humor e fantasia, criado para fins de entretenimento, apenas. As informações e opiniões aqui contidas podem não corresponder à realidade. Se você se ofendeu com alguma postagem, certamente a mesma se trata uma ficção que deve ser imediatamente desconsiderada, e não levada a sério"
Related Posts with Thumbnails

contador de visitas

Contadores Web visitantes desde 12-07-2008 (o blog foi criado em Outubro de 2006) [Contadores Web]